quinta-feira, 15 de dezembro de 2011


Tratamento da Apnéia do Sono Associado à Melhora da Síndrome Metabólica
A apnéia do sono está fortemente associada à síndrome metabólica (uma combinação de fatores de risco cardiovascular que inclui alteração dos níveis de colesterol e triglicérides, obesidade, hipertensão e hiperglicemia) . Um estudo publicado na prestigiosa revista New England Journal of Medicine revelou que pacientes com síndrome metabólica  apresentaram melhora significativa dos fatores de risco associados à síndrome após uso do CPAP por 3 meses (dispositivo de pressão positiva para o tratamento da apnéia do sono). Houve perda discreta do peso, redução da gordura abdominal, dos triglicérides, da glicemia e da pressão arterial. Este estudo confirma que o tratamento da apnéia obstrutiva do sono pode reduzir significativamente os riscos cardiovasculares.

Nenhum comentário:

Postar um comentário